Contratação por tempo determinado em discussão em Brasília

Governo, centrais sindicais e empresários debatem a MP que aprova contratação temporária para grandes eventos. A CUT é contra o projeto por considerar um incentivo à precarização e achatamento do salário.

Deixe um Comentário

comentários