Governo de SP suspende quatro contratos para reforma de trens do Metrô

Os contratos estão em vigência desde 2008 e foram assinados com empresas suspeitas de formação de cartel – entre elas a francesa Alstom e a alemã Siemens.

Deixe um Comentário

comentários