Melhor e Mais Justo: Demarcação de Terras – 1/3

A Constituição Federal de 1988 reconhece a organização social, os costumes, línguas, crenças, tradições e direitos originários desses povos sobre as terras que tradicionalmente ocupam.

Mas, na prática, esses processos têm sido lentos e geram graves conflitos de indígenas e quilombolas com grandes agricultores, madeireiros, pecuaristas, grileiros de terra e especuladores imobiliários.

A recente retomada das discussões sobre a PEC 215 no Congresso Nacional, que propõe a transferência da demarcação e homologação dessas terras do Executivo para o Legislativo, provoca indignação nas lideranças dessas comunidades.

O Melhor e Mais Justo debate os caminhos e as políticas que podem ajudar a fazer valer o direito a esses territórios, inclusive como forma de defender o espaço para a preservação da cultura, para a atualização e transmissão de tradições e conhecimentos de geração para geração.

Melhor e Mais Justo exibido em 14/11/2013
Tema: Demarcação de Terras – Índios e Quilombolas

Deixe um Comentário

comentários