Melhor e Mais Justo: Saúde Mental – 3/3

Rede TVTsex, junho 17, 2011 5:07pm

A luta pela Reforma Psiquiátrica, no Brasil, já conta uns vinte anos, com muitos avanços e outros tantos desafios. Em 2011, celebramos os dez anos de uma etapa fundamental dessa luta social: a formalização da Reforma Psiquiátrica pela Lei 10.216/01, que oficializou mudanças de concepção e de foco nas políticas públicas de saúde mental. Estão sendo superadas as hospitalizações psiquiátricas como tratamento, quase exclusivo, aos transtornos mentais, em prol de formas mais humanizadas e diversificadas de atendimento, com ênfase na (re)integração dos pacientes ao convívio familiar e social sempre que possível.
Além dos leitos para internação, várias ações, programas e equipamentos de saúde mental foram criados em muitos municípios: Centros de Assistência Psicossocial (CAPS); Casas de Acolhimento Temporário (CATs); Comunidades Terapêuticas; Consultórios de Rua; Programa De Volta Para Casa; Ações dos Programas de Saúde da Família; entre outros. As verbas para saúde mental também aumentaram, embora ainda não sejam suficientes para o tamanho e para as necessidades da demanda. Pelo que se vê, avanços significativos ocorreram, mas velhos e novos problemas persistem, por exemplo: insuficiência de recursos e, com frequência, de sinergia com outras instâncias de assistência à saúde e de gestão do SUS; problemas de formação e de suporte aos profissionais de saúde que atuam nesse campo.

Melhor e Mais Justo exibido em 16/06/2011
Tema: Saúde Mental

Deixe um Comentário

comentários

Deixe uma resposta

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.