Melhor e Mais Justo: Terceirização: Os direitos do trabalhador em disputa – 3/3

Faxineiros, cozinheiras, operadores de telemarketing, designers, administradores… Estima-se que há no Brasil, hoje, mais de 10 milhões de trabalhadores terceirizados.

Com a terceirização, há precarização das relações de trabalho, perda de capacidade de organização e mobilização e ainda, muitas vezes, diminuição de salários, benefícios e aumento da jornada.

Nesse momento, uma decisão que pode ser tomada a qualquer momento pelo supremo tribunal federal, sobre uma ação que envolve terceirização para cargos da atividade fim em uma empresa mineira, pode deixar a classe trabalhadora ainda mais vulnerável.

Os impactos sociais e econômicos gerados por esta prática de contratação, estão em foco no debate, no Melhor e Mais Justo.

Melhor e Mais Justo exibido em 14/11/2014
Tema: Terceirização: Os direitos do trabalhador em disputa

Deixe um Comentário

comentários