Membro do MST completa um ano em prisão preventiva 14

Luiz Batista Borges, da coordenação do MST em Goiás, está preso preventivamente. O ministro Edson Fachin, do STF, decidiu afastar do decreto de prisão preventiva dele a acusação da prática de crime de irganização criminosa. Mas, como há outras acusações a respeito da ocupação da fazenda da Usina Santa Helena, Borges permanece detido.

————————————————–

Assine nosso Canal e não perca nenhum conteúdo.

Inscreva-se: https://www.youtube.com/user/redetvt

Conteúdos Exclusivos:
Site: http://www.tvt.org.br/
Facebook: https://www.facebook.com/redetvt
Twitter: https://twitter.com/redetvt
G+: https://plus.google.com/+redetvt/posts

————————————————–

https://youtu.be/QIgKoMP16t4

————————————————–

Deixe um Comentário

comentários