Trabalhadores da Proema vão à justiça por reparação de direitos

Com a fábrica parada em São Bernardo do Campo, a autopeças Proema entrou com pedido de recuperação judicial. Trabalhadores movem processo contra a empresa para recuperarem salários, férias e depósitos do FGTS.

Deixe um Comentário

comentários