‘A luta do meu pai não foi em vão, mas PM que o matou não foi punido’ 🎙

Há 41 anos atrás o operário Santo Dias da Silva era barbaramente assassinado pela Polícia Militar, durante um piquete, em frente à fábrica da Silvânia, em Santo Amaro. Em entrevista ao Jornal Brasil atual desta sexta-feira, a filha de Santo Dias, Luciana Dias, relembrou a morte do pai e falou sobre o relançamento do livro Quando o Passado se Transforma em História , editado pela Fundação Perseu Abramo e Expressão Popular. Confira no vídeo.

🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Fortaleça a TVT. Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários