Acabou a mamata: Receita corta isenção fiscal de igrejas | Fechamento Carta Capital

A Receita Federal suspendeu nesta quarta-feira (17), uma medida do governo Bolsonaro de julho de 2022 que isentava de impostos os salários de ministros de confissão religiosa, como pastores. A reversão da benesse foi feita pelo secretário especial da Receita, Robinson Barreirinhas. Com o fim da medida, os valores pagos por igrejas a pastores voltam ser considerados uma forma de remuneração direta – e, portanto, sujeitos ao pagamento de impostos.

A decisão já despertou a ira de integrantes da chamada “bancada evangélica”. A senadora Damares Alves (Republicanos-DF), ex-ministra de Jair Bolsonaro, classificou a medida como “perseguição”.

Veja também neste Fechamento: Novo capítulo da Operação Lesa Pátria da Polícia Federal mira o deputado federal Carlos Jordy (PL-RJ). Aliado de Bolsonaro, Jordy é suspeito de liderar atos golpistas no Rio de Janeiro após a vitória de Lula nas eleições.

E mais: PT e PSOL preparam a chapa Marta-Boulos para disputar a prefeitura de São Paulo. Donald Trump, enrolado na justiça, vence as primárias republicanas no estado de Iowa. Lula anuncia jornada pelo Nordeste. Os ataques israelenses em Gaza e as operações do grupo iemenita Houthi contra navios no Mar Vermelho. E, após elogios de Valdemar Costa Neto a Lula, Jair Bolsonaro insinua que o presidente do PL irá “implodir” seu partido.

#FechamentoCartaCapital
#GovernoLula
#RedeTVT

⚠️ Seja membro deste canal e ganhe benefícios:
https://www.youtube.com/channel/UCmQTY7b5w61WlmBbJ5a8XrQ/join

👍🏽 Curta o vídeo e ajude a Rede TVT compartilhando com os amigos!
🔔Inscreva-se no canal da Rede TVT: www.youtube.com/redetvt
⚠️ Apoie a TVT a levar o sinal para todo o Brasil com o novo app de streaming:
Acesse https://www.catarse.me/tvt ou pelo QRCode do vídeo.

Deixe um Comentário

comentários