Aconteceu de novo. PolĂ­cia americana mata mais um negro com requintes de crueldade 📰

Imagens gravadas por celular, revelam mais uma vez, a agressĂŁo de policiais norte americanos contra um homem negro. E novamente, o caso com requintes de crueldade e covardia que aconteceu em março, terminou em morte. A famĂ­lia de Daniel Prude, o homem afroamericano que morreu asfixiado pela polĂ­cia de Nova York em março enquanto estava sem roupa e algemado, pede justiça. O irmĂŁo da vĂ­tima contou aos repĂłrteres que chamou a polĂ­cia para prender Daniel, apĂłs um episĂłdio de descontrole emocional, desabafo: “fiz uma chamada telefĂŽnica para que ajudassem meu irmĂŁo, nĂŁo para que linchassem ele”. A policĂ­a ordenou que Prude se jogasse no chĂŁo, o que ele cumpriu.// Mas, depois de algemado, Prude ficou agitado. Nas imagens divulgadas essa semana Ă© possĂ­vel ver um policial colocando o capuz e forçando a vĂ­tima a se deitar de bruços. Ainda possĂ­vel acompanhar que um dos policiais rindo ao fundo. Prude perdeu a consciĂȘncia e os policiais tentaram ressuscitĂĄ-lo antes de ir ao hospital. Ele morreu uma semana depois, quando o aparelho de suporte de vida foi desconectado. O caso Ă© mais um associado ao preconceito, em um paĂ­s abalado por manifestaçÔes nacionais contra o racismo e a brutalidade policial.

🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteĂșdos da TVT 📱 Fortaleça a TVT. Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um ComentĂĄrio

comentĂĄrios