CPI desnudou incompetência e corrupção dos militares, diz analista

A CPI da Covid aprovou nesta terça-feira seu relatório final, que pede o indiciamento de 80 pessoas. Entre elas, o presidente Jair Bolsonaro, ministros, deputados, médicos e empresários. Agora o documento vai ser encaminhado para os tribunais e órgãos de investigação. Dentre eles, a Procuradoria-Geral da República, Ministérios Públicos nos Estados, a Defensoria Pública da União e, até mesmo, o Tribunal Penal Internacional, em Haia. De acordo com o advogado Jorge Rubem Folena de Oliveira, doutor em ciência política e integrante do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), a CPI serviu de importante contraponto aos abusos cometidos pelo governo Bolsonaro. Mas, principalmente, serviu para “desmistificar” a atuação dos militares. Assista ao vídeo e confira a entrevista de Folena concedida ao jornalista Glauco Faria, da Rádio Brasil Atual.

📌 Fortaleça a TVT e a Rádio Brasil Atual! Manda um Pix. Chave: pix@tvt.org.br
🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários