Da judicialização da política à institucionalização do fascismo

O sistema judicial brasileiro perdeu o véu da imparcialidade durante os processos que levaram à prisão de Lula e ao impeachment de Dilma Rousseff (e também em versões regionais do método lavajatista). Deixou de ser um árbitro, ainda que parcial, e converteu-se em ator do jogo político. Mas a ascensão de Bolsonaro deu corpo a uma série de normas que ampliaram a opressão, como no caso da ampliação do acesso a armas e munições. O fascismo institucionalizou-se? Como desmontar este processo?

Com: Aldo Arantes, Pedro Serrano, Alessandra Devulsky
Mediação: Pedro Davoglio

Para acessar a programação e a feira do livro com descontos exclusivos, entre em http://salaodolivropolitico.com.br/ e utilize o cupom VISALAO

📌 Fortaleça a TVT e a Rádio Brasil Atual! Manda um Pix. Chave: pix@tvt.org.br
🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários