“Deixados para morrer”, um site que mostra as violações de direitos nos presídios

O site da Rede de Justiça Criminal denuncia que pessoas foram deixadas para morrer em presídios durante a pandemia. As violações aos direitos mínimos de presos foram violadas e juízes deixaram de cumprir recomendação do Conselho Nacional de Justiça para reavaliarem casos como o de gestantes ou de privados de liberdade com comorbidades. No estado de São Paulo, 74% das pessoas presas que poderiam ter sido beneficiadas tiveram o pedido negado.

📌 Fortaleça a TVT e a Rádio Brasil Atual! Manda um Pix. Chave: pix@tvt.org.br
🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários