“Guerra ao terror” dos EUA deixou legados negativos em todo o mundo

A alegada “guerra ao terror” promovida pelo governo dos Estados Unidos após os atentados de 11 de setembro trouxe inúmeras consequências negativas para o mundo. Desde as perdas humanas no Afeganistão até a naturalização de ilegalidades com a justificativa de se combater o terrorismo. O professor de Relação Internacionais da PUC-SP Reginaldo Nasser falou com Glauco Faria a respeito do tema, eixo do seu novo livro A luta contra o terrorismo – os Estados Unidos e os amigos talibãs.

📌 Fortaleça a TVT e a Rádio Brasil Atual! Manda um Pix. Chave: pix@tvt.org.br
🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários