IVH obtém com exclusividade processo sobre único caso de condenação por tortura na ditadura militar

A Agência de dados Fiquem Sabendo, especializada na Lei de Acesso à Informação, e o Instituto Vladimir Herzog obtiveram com exclusividade a íntegra do processo militar que narra uma série de crimes cometidos por 8 militares do Exército e 2 civis contra quinze soldados no início dos anos 1970. O inquérito relata que militares torturaram 15 soldados com o pretexto de uma investigação sobre o uso e tráfico de drogas dentro do quartel. As graves violações de direitos humanos foram perpetradas em dependências das Forças Armadas contra jovens de 19 anos, em sua maioria, e resultaram na morte de quatro deles. Até onde se tem conhecimento, o processo constitui o único caso em que militares foram condenados em última instância por graves violações de direitos humanos ocorridas durante os 21 anos de ditadura no Brasil. A jornalista Marilu Cabañas conversou com Glenda Mezarobba, jornalista, cientista política e conselheira do Instituto Vladimir Herzog e com Bruno Morassutti é cofundador e coordenador de advocacy da Fiquem Sabendo. Veja o vídeo.

#ivh
#ditaduramilitar
#tvt
#jba

🔴👍🏽 Acesse e inscreva-se no Cortes TVT: https://bit.ly/cortestvt
👍🏽 Curta o vídeo e ajude a Rede TVT compartilhando com os amigos!
🔔Inscreva-se no canal da Rede TVT: www.youtube.com/redetvt
⚠️ Apoie a TVT a levar o sinal para todo o Brasil com o novo app de streaming:
Acesse https://www.catarse.me/tvt ou pelo QRCode do vídeo.

Deixe um Comentário

comentários