Mãe de jovem morto no crime da Vale em Brumadinho fala sobre tragédia que atinge região

As fortes chuvas que atingem Minas Gerais mobilizam vítimas de outras tragédias vividas no estado para uma corrente de solidariedade. É o caso de Andresa Rodrigues, diretora da Associação dos Familiares de Vítimas e Atingidos do Rompimento da Barragem Mina Córrego Feijão Brumadinho (Avabrum), mãe do Bruno, morto no rompimento da barragem de Brumadinho, em 25 e janeiro de 2019, aos 26 anos. A partir de hoje (11.01) estão suspensas as buscas pelas seis vítimas da tragédia de Brumadinho. Entrevista à jornalista Marilu Cabañas. Veja o vídeo.

📌 Fortaleça a TVT e a Rádio Brasil Atual! Manda um Pix. Chave: pix@tvt.org.br
🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários