O ministério da economia quer negociar com a nova cúpula do congresso um plano escalonado 🎙

Fausto Augusto Junior, diretor técnico do Dieese, analisa a proposta do governo Bolsonaro de plano escalonado para recuperar a economia. Segundo ele, esse debate ficou paralisado por conta das eleições municipais de 2020 e a sucessão no Congresso Nacional, que elegeu na segunda-feira (1/2) Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG). “E agora volta à tona, mas antes o governo Bolsonaro vai precisar aprovar o Orçamento da União”, que normalmente ocorre em dezembro do ano anterior.
Fausto diz que entre as medidas do governo está a reforma administrativa, que tem como objetivo basicamente alterar direitos dos servidores públicos e permitir a privatização de serviços públicos. Ele acha difícil avançar no Congresso a proposta de uma nova CPMF, como ensaia a equipe de Paulo Guedes. Outro ponto importante da proposta de Bolsonaro é a privatização de conjunto grande de empresas. Um dos principais alvos é a privatização do sistema elétrico. Fausto chama a atenção do risco de se colocar um setor estratégico como esse nas mãos da iniciativa privada e cita como exemplo o caos no fornecimento de energia no Amapá, por conta da empresa privada que administra o sistema não ter feito a devida manutenção.

#CPMF
#Dieese
#Economia

🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Fortaleça a TVT. Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

Deixe um Comentário

comentários