Pedro Guimarães foi flagrado em 2019 em ato sexual com colega no estacionamento da Caixa

Isabel Gomes, funcionária aposentada da Caixa Econômica, conta que o banco encoberta as denúncias de assédio sexual contra Pedro Guimarães desde 2019. Em entrevista a jornalista Glauco Faria, da Rádio Brasil Atual, a aposentada lembra que o ex-presidente da Caixa foi flagrado por um vigilante fazendo sexo dentro de um carro com uma colega de trabalho no estacionamento onde funciona a matriz do banco. Ela conta que o episódio foi relatado na época ao seu marido, o então ex-presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Pedro Eugênio Beneduzzi. Ele chegou a ser processado após manifestação, mas o caso foi finalizado após um acordo entre Beneduzzi com Guimarães. Assista ao vídeo e confira a entrevista na íntegra.

#pedroguimarães
#caixa
#tvt
#bpt

🔴👍🏽 Acesse e inscreva-se no Cortes TVT: https://bit.ly/cortestvt
👍🏽 Curta o vídeo e ajude a Rede TVT compartilhando com os amigos!
🔔Inscreva-se no canal da Rede TVT: www.youtube.com/redetvt
⚠️ Apoie a TVT a levar o sinal para todo o Brasil com o novo app de streaming:
Acesse https://www.catarse.me/tvt ou pelo QRCode do vídeo.

Deixe um Comentário

comentários